Untitled Document
Untitled Document
 
 
 
 
 
 
 

Confira nossos vídeos


Bailarinas Bellydance® 1


Bailarinas Bellydance® 2


7ª Excursão
Bellydance® 2008


Marcia Lima
Campo Grande - MS


Mande um e-mail para Marcia Lima.


Jade e Marcia Lima

A primeira dupla formada
por Omar Naboulsi

A vontade de se criar uma dupla era muito grande, mas as contradições aparecem. Como escolher as pessoas certas? Em viagem ao Líbano, tive a certeza de que o meu sonho de formar uma dupla daria certo, pois lá estavam elas...

Um ano depois... Só agora pude ver este sonho se tornar realidade. Estive visitando-as em Abu Dhabi em seu show no fantástico restaurante Al Mawal. A cada coreografia eu me surpreendia. Elas estão arrasando. Tanto que tiveram seu contrato prolongado. Eu estou muito contente, pois só recebi elogios.

Omar Naboulsi


Marcia Lima e a Dança do Ventre:
a arte das deusas

O movimento. O ritmo. A expressão da alma em movimentos ritmados. Técnica, classe, emoção. Um corpo em movimento representando uma raça, uma região, uma cultura. De novo movimento e ritmo, aliados à cultura. A sensualidade como forma de arte. São conceitos que tentam definir o trabalho artístico de dança da bailarina Marcia Lima. Conceitos aliados a uma beleza que ultrapassa o que se pode chamar de simplesmente bonito como plástica, mas que reflete a união da beleza à alma árabe, adquirida pelos estudos e dedicação a esta cultura.

Marcia Lima começou a se entregar à dança aos 18 anos. Estudou e dançou principalmente flamenco, balé clássico, jazz e sapateado americano, antes de se apaixonar pela dança do ventre. Participou de incontáveis e variados workshops, cursos e estágios, tendo se graduado em Dança pela FAP – Faculdade de Artes do Paraná, em Curitiba (PR). Dedicou-se a vários cursos de especialização no exterior, estudando com grandes estrelas da dança oriental no Egito, Líbano e Síria.

A bailarina Marcia Lima é professora em Campo Grande – MS e sócia-diretora da Academia de Dança Marcia Lima. Para ela, “a Dança do ventre, além de ser arte, ajuda em muito a liberação individual e a melhora da auto-estima. Em minha academia ensinamos, através da dança, a realização pessoal e a busca de uma expressão cultural”.

Marcia ministra freqüentemente workshops sobre Dança do Ventre em diversos estados e apresenta-se com freqüência em inúmeros shows e eventos no Brasil (em Mato Grosso do Sul, onde reside, e entre outras cidades e estados como Brasília, Joinville, Curitiba e São Paulo) e no exterior (já efetuou temporada na Tunísia, através de contratos empresariais pela BellyDance® de Omar Naboulsi, tendo ainda dançado em Buenos Aires, Argentina). Atualmente, está em nova temporada no exterior, desta vez em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

“A Dança do Ventre é parte da minha vida. A cultura árabe, a dança, a beleza dos movimentos, tudo faz parte de mim. O mundo árabe é arte pura quanto a ritmos e dança, e sou imensamente feliz de fazer parte dele através desta manifestação artística, em estudos e prática”, diz Marcia Lima. Quem a conhece sabe o quanto isso é verdade e faz parte da vida de todos que admiram a cultura árabe. São pessoas que automaticamente admiram também a beleza e a arte de Marcia Lima.



Untitled Document

 

Untitled Document